O ENEM tem que ser anulado por usar tema surpresa contra os alunos

Doutrinação pela redação
Doutrinação pela redação

A conspiração bolchevista para corromper a juventude estudantil do Brasil, a que todos chamam de ENEM deverá ser mais uma vez anulada por usar um tema surpresa contra os  alunos, uma vez que o mesmo abordava a perspectiva comunista, coisa alheia a realidade dos jovens de bem da nação.  Como bem já foi denunciado pelos homens bons, a redação foi uma forma escandalosa de doutrinação marxista, uma vez que somente aqueles antenados com os movimentos socialistas seriam capazes de desenvolver o tema a contento.

Mais uma vez o MEC usa de um instrumento criado para a subversão esquerdista para espargir o bolchevismo por todos os cantos do país, obrigado milhões de mentes incautas a percorrerem o sombrio campo das reflexões marxistas na tentativa vã de encontrarem uma justificativa qualquer para um tema esdrúxulo da redação do exame nacional do ensino médio. Até quando veremos nossos filhos sujeitos a essa barbárie?

 

 

Facebook Comments
Compartilhar

87 comentários sobre “O ENEM tem que ser anulado por usar tema surpresa contra os alunos

  1. A boa revista de famiglia tentou protejer nosso petizes solicitando provas fotográficas do teor marxista da redação:

    Resultados para #VEJAnoEnem
    Tweets Top / Todos
    4 nov
    Compartilhe fotos do Enem no Instagram: #VEJAnoEnem. As
    melhores serão exibidas em VEJA http://goo.gl/e2wq1
    Retweetado 1294 vezes

    Marxistas desejam perserguir bons nomens de origem siciliana por atrapalhar a lavagem cerebral das criancinhas, por certo para devorá-las logo após.

  2. Ate quando detemos que suportar isso ?

    A cada ano que passa mais pessoas sem preparo entram nas universidades e brevemente a cota será de 50% a búlgara vermelha já sancionou a lei, um acinte aos nossos filhos que terão que estudar, faculdade publica foi feita para a elite, pobre nem precisa estudar,ficar fazendo esse povo pensar vai dar problemas futuros o partido dos homens de bens sabe disso, por esse motivos somos todos contra esse tal de Enem

    1. Bom dia.

      Caríssimo Marquês das Pombinhas,

      Que texto mais frouxo. A certa altura, fiquei em dúvida se não era algo a ser publicado aqui no nosso sacroespaço golp., digo, trapista.

      O sr. Nizan poderia, ao invés de escrever este conjunto desconjuntado (sic!) de Ctrl-[C,V], continuar com as suas obras (de arte, refiro-me aos comerciais): Nizan lamenta má educação da elite brasileira.

      Pinço pequeno trecho do “Manifesto nizanense”:

      Da mesma forma que é preciso educar a população em geral, é preciso também educar os filhos da elite. E, em muitos sentidos, a educação pública tem tido proporcionalmente mais avanços do que a privada.” (grifos deste escriba).

      Concordo. Lá em casa, por exemplo, ainda uso uma “Celite” modelo 1900 e resto do século. mas funciona…

      Ora, já somos educados e sabemos inclusive, como votar, exceto a patuleia, que sempre é do contra. Sempre vota em postes; deve ser problema “siscológico” do tempo em que a iluminação das ruas era precária…

      Saudações antienênicas,

      Morvan, Usuário Lulax, digo, Linux #433640.

  3. O vulgacho tupiniquim não precisa do enem. Ainda mais repleto de vulgaridades marxistas. Fico a me perguntar, o que acontecerá com esses ingênuos desafortunados? Ao invés de um futuro certo de abundantes empregos medíocres, pois sim, mas certos! Adentram num mundo diferenciado e desconhecido de sua natureza inferior. Não me surpreenderei ao ver saírem por ai a escrever e falar idéias e opiniões esquizofrênicas.

    1. Alvíssaras!
      Então a eleição do Handdrad vai ser anulada e o Dom Chirico Revigorado assume a prefeitura, direito garantido a quem fica disparado em último lugar.
      A Soninha andava muito meditabunda, criando a nova sigla FDP. Agora sim, ela já pode relaxar: não haverá crise de desemprego.

  4. Mestre dos mestres professor PhD Hari,

    Acho que tudo o que é direcionado para pobre tem de acabar.
    Pobre deveria fazer curso de porteiro, pedreiro, gari (com palestra de Boris CCCasoy) etc. etc.
    Assista no vídeo abaixo nosso Farol dando (no bom sentido) uma entrevista pra um jornalista comunista da BBC.
    Anauê!
    Heil Hari!

    VÍDEO: FHC TENTA MENTIR EM PROGRAMA DA BBC, MAS ENTREVISTADOR NÃO CAI NAS MENTIRAS
    http://novobloglimpinhoecheiroso.wordpress.com/2012/11/05/video-fhc-tenta-mentir-em-programa-da-bbc-mas-entrevistador-nao-cai-nas-mentiras/

  5. tENEMático Profi,

    Bem que prefiro, como o velho Brás Cubas (ainda não vi se esse Machado estava junto com a Foi-se neste ENEM), “a pena da galhofa”, mas às vezes ela teima em vir com “a tinta da melancolia”.

    Dando um salto mortal para o Readers Digest: rir é o melhor remédio… ou não!

    Alvísssssara!

    1. Cara Viví,

      “Readers Digest”. De repente, voltei a minha pré-adolescência, babando pelas epopéias dos irmãos do north.

      Alvíssaras!

        1. Nobilíssim@s Vivi e Horridus,
          Lí e Tesouro da Juventude, estudei com o Lello Universal (edição 1907), e lí a coletânea do Readers Digest, especialmente da década de 60, os dourados anos de chumbo. Recomendo.

        2. Bom dia.

          Acho improvável, nestes dias rouges, caro Horridus, já que até a nossa evangelizadora disciplina OSPB saiu da grade curricular faz tempo…
          Ah, tempos bons, aqueles. Nada de rebelião, pobre podendo comprar nada…
          Saudações antienênicas,

          Morvan, Usuário Lulax, digo, Linux #433640.

        3. Mas que ideia estapafúrdia, nobre confrade !! Leitura boa e mais que obrigatória nas escolas é o semanário dos homens bons, que nosso impoluto Dr Geraldo Aidimin se encarrega de fazer chegar pontualmente à todas os grupos escolares da província… Oras… O Readers Digest é sensacional, não nego, mas deveria ser adotado na versão original ( in English, of course) para a plebe rude treinar um pouco o nobre idioma de Sheakspeare…
          Alvíssaras

      1. Cáspite! Marquês,

        E pensar que essa era a caras (faces?)dos brothers & sisters daquela época pra ler balançando numa rede lá no Ceará!
        E tinha tambem o Tesouro da Juventude (que era “tipo assim” da família toda)… nada a ver com esse comunismo ateu que anda campeando solto por aqui. No Ceará não tem turco não! Arreda capetão!

  6. E não só, ENEMgmático Ph.D. Hari,

    alguns outros ABSURDOS:

    -- A prova rosa era VERMELHA!
    -- A página 13 tinha erros crassos e exaltava Stálin e Chávez!
    -- Não citaram nenhuma, NENHUMA, vez o MENSALÃO (o maior crime de corrupção intergalático!)
    -- Tanto em Química como em Biologia fizeram referência ao bando PT: trataram de questões orgânicas, coisa desses intelectualóides gramscinianos.

    Eu parei. Chega. Não aguentei mais conferir esse processo seletivo anarco-narco-arco-co-comunista. Deixe essa tarefa ao Tio Rei, que soube, com contumaz austeridade e sobriedade, comentar a redação.

    Anauê,

    Mr. RRSuárez

  7. Boa noite.

    Senhores, senhoras, o momento é de muita apreensão.
    Como se já não fosse demais, agora o ENEM já é usado, além de, como d’antanho, para oportunizar à gentalha ascenção, ascenção esta, por direito, pertencente tão-somente à Casa Grande, para o completo esgarçamento da instituição familiar. Uma mãe (já, depreende-se, contaminada pela ideologia bolchevique) denunciou a própria filha aos organizadores do tal exame lesa-homens-de-benz:

    Enem: mãe que desclassificou filha diz que não se arrepende

    A mãe que denunciou a filha por pedir ajuda pelo celular para fazer a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), no domingo, em Sorocaba (SP), disse nesta segunda-feira que não se arrepende. ‘Eu não queria, de forma alguma, prejudicar a minha filha, mas eu não acho certo o que ela fez’, justificou.”.

    É o fim. Mães contra filhos, a completa desagregação da família, o esgarçamento dos nossos valores tfpistas, a serviço dos vermelhoides e seus planos de ruptura social. a Revista Veja, que tanto trabalhou para boicot., digo, divulgar o ENEM, como é que fica?

    É por isso que eu digo a vocês todos deste sacroespaço: Este pessoal do MED não ENEM gente!

    Saudações antienênicas,

    Morvan, Usuário Lulax, digo, Linux #433640.

      1. Bom dia.

        Velho Canis Domesticus, esta outra mãe que vós falais é outro caso: esta nunca ouviu a frase daquele vermelho, que dizia: “Quem sabe faz a hora…“. Ou é muito distraída…

        Saudações antienênicas,

        Morvan, Usuário Lulax, digo, Linux #433640.

      1. Bom dia.

        Caríssima Vivi, excelente pergunta.

        Por acaso, a resposta é não. Não estamos. A Veja deveria receber o Pulitzer da próxima edição, em todas as categorias, pela ética, pelo comprometimento para com a educação da Casa Grande e, no mínimo, menção honrosa pelo seu trabalho em divulgação do ENEM.
        E o Caneta deveria receber medalha de honra ao mérito, pelo seus trabalhos nos bastidores.

        Saudações antienênicas,

        Morvan, Usuário Lulax, digo, Linux #433640.

        1. Pulitzer, Joseph Pulitzer, aquele comunista, que segundo definições de vermelhos infiltrados na imprensa norte-americana, que sabemos marxista, e em enciclopédias bolcheviques cunhou uma dialética luciferiana, com atitudes e frases.
          “Pulitzer acreditava que o jornalismo era um serviço público, isto é, destinado às pessoas “pequenas” e não servindo os interesses do grande poder.”

          http://www.youtube.com/watch?v=JslFXClN5x4&feature=related

          É, A revista dei cappo siciliano merece o prêmio, junto com os Princípios Editoriais das Organizações Cosa Nostra.

          1. Bom dia.

            Caríssimo e betumístico Ramsés II:

            Citando Pulitzer: “Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma.”.

            Seria, pois, o grande, digo, comuna, Pulitzer, um Nostradamus da Imprensa? Saberia ele que, em um determinado país, tudo o que ele assinalara, se tornaria um imenso PIG?

            Saudações antienênicas e pulitzícas,

            Morvan, Usuário Lulax, digo, Linux #433640.

  8. Caro Professor Almeida Prado,

    Volto a insistir e repetir o que dizia o inigualável Salazar: “… é mais importante a constituição de vastas elites do que ensinar o povo a ler”. A ideia de universalização do ensino é o marxismo na sua forma bruta, o tema da redacção e esta anomalia chamada ‘cotas’ são para desviar a atenção, sem a universalização do ensino não há sentido em falar de cotas.

  9. Mestre enemólogo,

    Esses red boys estão extrapolando. Onde já se viu, na era do computa exigir redação? Hoje em dia nem a reviste dos homens de benz tem redator.

  10. O importante aos bons homens de bens, como os DEMocratas do Partido Só De Benz, das Organizações CosaNostra, da Revista Siciliana, de nossa livre e isenta imprensa e de outros bons por aí, é pegar o Molusco e acabar com ele, isso é o que nos interessa, exterminar essa praga pela raiz.
    Vamos nos vingar da gentalha fétida que está compurscando nossos valores e mudando essa joça que era nossa desde que espuriamente assumiu o poder em 2003, em eleições compradas, com aquele operário-nordestino-de-uma-figa!
    Se não com a popularidade enorme entre o populacho ignaro é capaz de voltar ou então continuar fazendo seu partido bolchevique-petralha-que-odiamos continuar a vencer eleições!
    Assim não dá, assim não é possível!
    http://youtu.be/EJ_Q-BNMbFk

      1. Caro professor e lider,
        Mein Fuehrer,
        A Associação Estudantil Hariovaldiana para Imprensa e Propaganda proclama um “Ato Nacional contra o Espírito Comunista”, para limpar e depurar(Säuberung) a literatura brazileira pelo fogo. Nossas sucursais devem fornecer à boa imprensa boletins e encomendar artigos pró-neoliberalismo, organizar eventos em que personalidades de bens e benz famosas, como Dom José, o Farol, e outros possam discursar para grandes massas ignaras, bem como negociar horários de transmissão pela TV para que sejam vistos e ouvidos dentro das casas.
        Vamos queimar escritos escusos e anti-cristãos num ato público.
        Pela Família!
        Heil!

      2. Boa tarde.

        Grande Meister Hari Prado.

        Rogo a V. Excelsa Fidalga Persona que reconsidere e remova do tal afamado Index esta obra, pois o que ela faz é uma fotografia da sua magnânima pugna por um Brasil sem ateísmo e sem petralhice, ora pois.

        Afinal, como dizia Voltaire, “Ridendo Castigat Mores“.

        Saudações antienênicas,

        Morvan, Usuário Lulax, digo, Linux #433640.

          1. Boa noite.

            Obrigado pela adjetivação, caríssima Vivi.

            Ele tem, sim.

            Vai ver é um dos muitos judeus brasileiros (cearenses!) que saiu para ser gauche na vida, como dizia o poeta.

            Saudações antienênicas,

            Morvan, Usuário Lulax, digo, Linux #433640.

      3. O autor, lá pelas folhas tantas, levanta uma questão que, aliás, deveria ser pesquisada pelos visitantes deste sítio:

        “Desta forma, quando desponta no cenário político um personagem-tipo como o Professor Hariovaldo, citado por jornalistas importantes dos meios tradicionais, muitos se
        perguntam: de onde é que ele surgiu?”

        1. Doce Vivi,
          Para um texto insinuante, e uma pergunta provocante, ouso arriscar uma resposta.
          O mestre surgiu de um recanto sob o lábaro que ostenta estrelado, onde os risonhos campos tem mais flores e a vida nos teus bosques mais amores. Lá, onde, erguendo-se da justiça a clave forte, verá que um filho seu não foge à luta.

          1. Inspirado e romântico Ara,
            A resposta faz todo sentido e é uma homenagem arretada de boa a Profi Hari
            Esses risonhos campos reverenciam o poeta que cantou em nossa vida mais amores. Depois veio Carlos, mineirim de Itabira, com um sabiá na palmeira, longe… e estrelando o lábaro, o nosso Jobim Açu junto com O cara de Holanda cantou uma sabiá!
            Ô terra boa pra poetar!

    1. Sinto-me honrado e emaltecido ao saber que meu lente predileto foi altivamente analisado em artigo publicado no XI Politicom.
      Artigo profundo capaz de atingir o âmago da alma Hariovaldiana e trazê-a a público límpida e cristalina.

  11. Preciso contar para vocês que um primo mais velho meu me mandou um e-mail ontem. Eu literalmente caí da cadeira de tanto dar risada. Falei para ele que parecia texto do Hariovaldo. Observem:

    “Duas capas da revista Veja exaltando dois homens do povo que, cada um a seu tempo, chegaram aos mais altos postos da República. À esquerda, o ex-presidente Lula em outubro de 2002, três dias após vencer a eleição. À direita, o Ministro Joaquim Barbosa, aos 14 anos de idade, quando era aluno de um colégio público em Paracatu-MG.
    O primeiro nomeou o segundo pra ser ministro do Supremo Tribunal Federal.
    Hoje em dia, este primeiro vive praguejando e babando ódio contra o segundo. Porque seu indicado obedece à Lei e à Constituição, e não à canalhice de quem lhe nomeou.
    O primeiro não tem a menor idéia do que seja o funcionamento dos três poderes da República. O segundo é o guardião da Carta que rege estes três poderes, “independentes e harmônicos entre si“.
    O primeiro frustrou quem nele confiava e envergonhou um país inteiro. O segundo resgatou a nossa quase perdida fé nas instituições e vem orgulhando o Brasil decente com sua atuação firme e corajosa.
    O primeiro, desmascarado, dá os passos iniciais no rumo do ostracismo e do merecido esquecimento. O segundo, desmascarador do primeiro, entra gloriosamente na galeria dos grandes heróis desta nação sofrida.”

    1. O Sr, caro confrade, está parecendo mais um reles fabrício. Desconfiou, mas não chegou ao pleno entendimento… Esse textículo é do Profi, só que saiu sob pseudônimo…. Entendeu ??

  12. Boa tarde.

    Agora, este movimento de exigir dos jovens técnica de redação. Isto é profundamente deletério para suas cabecinhas [ocas] acostumadas com o internetês.

    Não demora nada e vão exigir que se escreva:

    também, ao invés de tb;
    você, ao invés de vc;
    porque, e suas variantes (muitas)!, ao invés de pq;
    saudações, ao invés de sds. E assim sucessivamente.

    Com este processo de exigir leitura e escrita, estes jovens acabarão aprendendo o idioma dos homens de benz (os das antigas, bien sür! Somos “mudernos” e falamos o idioma dos irmãos do North.) e se voltarão, fatalmente, contra nós (acabarão votando em postes).
    Abaixo este retorno à redação nos exames deste famigerado ENEM. Isto é profundamente subversivo.

    Saudações antienênicas,

    Morvan, Usuário Lulax, digo, Linux #433640.

      1. Boa noite.

        Obrigado, cara hadaddiana Rose.

        O Meister Hari está, como sempre, com razão.
        O que se está fazendo (contra nós, os de benz, claro) é Cria Cuervos. Este tal de ENEM precisa ser solapado. Viva a Veja.

        Saudações antienênicas,

        Morvan, Usuário Lulax, digo, Linux #433640.

        1. ô hômi, tu tá sendu besta; eu num quéru ispálhar o marchismu nãum! ô jóvi desi páís é muintus inteligênti i vaum fazê a iscôlha sérta, u cumunismu… Sãum elis qui quéren o marchismu bolchevista, nóis num tá forsandu náda…

          Viva Estálin, Viva mao sé tungue e Fidel… Num são muintus qui conceguem apoiu du pôvo inteligênti comu eu para matar miliões di peçôa qui num qué concordá cum nóis!!!

  13. Você queria que tema professor?
    Os movimentos imigratórios dos cristãos? Ou melhor..Porque devemos acreditar em Cristo?

    Santa paciencia com opiniões como a sua..

    1. Fabrício vermelho,

      Já que existe redação poderia pelo menos ser com temas patrióticos como:
      -- Brazil, ame-o ou deixe-o.
      -- A derrocada do comunismo ateu frente ao capitalismo cristão neoliberal no Brazil.
      -- Como se livrar de subversivos sem fazer força.
      -- Cardoso da Cornualha, uma luz sobre a pátria.
      etcétera.

    1. Você deve ser um elemento adepto do bolchevismo soviético, um comuna ateu e desrespeitoso.
      Será que nunca ouviu que trabalhador é para trabalhar, estudante é para estudar, e não para ficar pensando??
      Já pensou se o populacho, a gentalha, resolve ter pensamentos, ter idéias, resolve pedir mais direitos ainda, o caos que seria?
      Para que tema surpresa, para que redação, múltipla escolha é melhor, dá a chance do aluno se defender do professorado vermelho, chutar.
      Não aprendeu com os sábios que outrora nos governavam?
      Seu cão subversivo, volte para sua mente doentia, ou melhor se mude para Havana ou Pyong-Yang!

      1. Você deve ser um elemento adepto do bolchevismo soviético, um comuna ateu e desrespeitoso.

        EEEPA!!! Desrespeitoso a gente não somos não. Eu por exemplo sempre limpo os pé antes de entrar aqui.

    2. Desenvolvimento crítico e criativo, ora, ora, bem se vê, a quantas anda a mentalidade dos servos do satã-esquerdismo!

      Não há pasmo em nosso privilegiado meio por que não nos pasmamos com mais nada que venha de origem tão baixa.

      O problema não foi a “surpresa” do tema; foi, isto sim, a ousadia implícita do esquerdismo furibundo de induzir a petizada ao pensamento (único) de que o século XXI inteiro poderá ter por amostra representativa este decênio terminado e o início de seu subsequente irmão temporal.

      O desgoverno não prosseguirá. Os prosélitos do mal serão vencidos. Viva Serra, 45, Soninha (10%) e a falange angelical!

      Alvíssaras!

  14. Concordo plenamente. Digo mais, o MEC deveria anunciar somente dois temas possíveis, a serem sorteados no dia, com um ano de antecedência. Assim os alunos teriam tempo para decorar direitinho e não serem expostos à própria incapacidade de escrever. hahahahahahahaha

    1. O Estado deveria mesmo era indenizar todos os alunos que foram expostos á sua própria incapacidade de escrever. Que constrangimento desnecessário. Que mundo tosco em que vivemos.

  15. Aí você está tendo uma opinição paradoxal em relação ao Cristianismo.Se você não sabe meu caro Hariovaldo, temas como:
    -- Brazil, ame-o ou deixe-o.
    -- A derrocada do comunismo ateu frente ao capitalismo cristão neoliberal no Brazil.
    -- Como se livrar de subversivos sem fazer força.
    -- Cardoso da Cornualha, uma luz sobre a pátria.
    etcétera.

    São temas que excluem o pessoal das escolas públicas que não tem base para escrever temas como esses.Santa burrice.Quer excluir os desfavorecidos? Cristianismo hipócrita o seu.

    1. Engano seu. Tais temas que possibilitariam distinguir os bons petizes das crias do populacho. Já não basta nossos jovens serem submetidos a este miserável “exame” para conquistar uma vaga na faculdade que, nos bons tempos, era direito garantido. Na Usp, vocês não entrarão! Dom Picolé não permitirá!

  16. O tema que voce diz ser inadequado também conta como uma opinião paradoxal quanto ao Cristianismo.Ele está fazendo da redação algo democrático, pois eram poucos os que sabiam argumentos fortes para o tema.Desse modo, todos estavam na mesma linha de capacidade, os que escrevem melhor se sairam melhor.

    Mas uma vez mostrando como um cristão como você é hipocrita

  17. Hariovaldo o tema da redação foi ótimo,não podemos culpar se o tema era surpreso ou não,pois todos nós tinhamos as mesmas chances de delinear o nosso ponto de vista que pena alguns não estar antenados com o que acontece a sua volta,parabéns a todos que organiza este exame.Não tive dificuldades para dissertar o tema que foi o movimento imigratório para o brasil no século 21.

    1. Não teve pq és um comunista ateu, seguidor de Lula pois os jovens filhos dos homens de bem estão antenados sobre o que acontece em Londres, New York and Paris. Lamentável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *