Muitinho da Villa emplaca novo samba: “Ou renuncia ou pedimos seu impeachment”!

Um outro talento, comparável, talvez, somente ao talento do nosso estimado professor Hariovaldo, se alevanta para compor pagodes, contar histórias e, nas horas vagas, tecer comentários sobre os principais fatos políticos que sobressaltam a nação. Trata-se, do professor da Villa, que, de mala em cuia, deixou de morar com o serra, digo, na serra, para vir morar aqui na nossa rua, onde compõe sambas e prepara seus comentários até mais tarde e a gente fica com muito sono de manhã.Especializado em mensalão, petrolão e subversão, o muitinho (ele é demais pra nós, que somos gente simples) da Villa foi pego chorando debaixo do seu cobertor de lã, ao balbuciar repetidamente entre lágrimas as mesmas palavras: “ou renuncia ou nós pedimos o seu impeachment”. Vendo que, mesmo com a fábrica começando a buzinar e o trânsito contornando as nossas camas, o professor da Universidade do Morro de São Carlos não conseguia despertar do transe profundo do qual havia sido acometido, chamamos os serviços terceirizados de médicos, párocos e benzedores pra ver se o muitinho da Villa acordava de seu torpor profundo. Qual o que! Com seu discurso mais bonito o eclético muitinho da Villa voltava a repetir: “ou renuncia ou nós pedimos o seu impeachment”.

Tentamos até comovê-lo, dizendo que ele estava nos atrasando, porque éramos operários e precisávamos ir em busca do salário pra poder nos sustentar, qual o que! Ele chorava baixinho “ou renuncia ou nos pedimos seu impeachment”. Então, alguém teve uma idéia brilhante, a de chamar um assessor do Almirante do Tiete – já que o próprio estava muito ocupado participando de um brain storm com FHC e com o renomado consultor de profundidade, Zylbersztajn Wzbornia, visando mudar o nome do Pré-Sal, o que conseguiram: determinaram que o nome agora é Pré-Salzburgo. Então como ia dizendo,
alguém teve a brilhante idéia de chamar o assessor do político mais bem preparado danação, conhecido como Emerson 57.

Fez-a luz! Com total ascendência sobre o pobre professor muitinho da Villa, Emérson 57 falou rispidamente: levanta e corre, muitinho. Ainda não deu o ano. Põe na cabeça: é Çerra 2038, FHC vixiiie! Entendeu, ou vou ter que fazer conta de por e tirar?”

Facebook Comments
Compartilhar

91 comentários sobre “Muitinho da Villa emplaca novo samba: “Ou renuncia ou pedimos seu impeachment”!

  1. Essas pessoas que só pensam no bem danação sofrem muito. Vejam, por exemplo, nosso herói do momento, o rigoroso Dr. Moro. Um reles delator premiado vem agora desdizer tudo que disse, colocando a perder todo o brilhante trabalho de recorta e cola de relatórios que o catão das araucárias II tinha feito. Assim não pode. Assim não dá. Será que moro vai ter que devolver o prêmio? Tantas preocupações e a volta da escravidão demorando. Precisava de uma mucama a massagear minhas têmporas…

    1. Dona Maria,
      Esse premiado delator não é comphiável. Já é a segunda vez que faz acordo e não reclama o prêmio. O maes incrível é que o primeiro acordo foi com o mesmíssimo juiz que naquela época nem ganhou medalha medalha medalha da globobo. Maes esperto foe o Brabosão que arranjou um prêmio destes e logo foe comprar um apê em Miami. Esse sim, sabe onde canta a cotovia.
      Sabe maes! Sabe que a partir de 2038 poderemos contar com ÇERRA45 e seu viiiiiiixe fegacê no comando danação.
      Quem viver, verá!

  2. Que açucarado e que afeto caro Damato. Chorei, não pude fingir. Agora que o sino da igrejinha faz belém blem bom, vou devegar, devagarinho, tomar meu vinhozinho do padre. Amém.

    1. Este senhor é o mesmo Murchinho da Villa que já teve mulheres de todas as cores ? Humpt, duvido que tenha tido uma roxa com aquilo de bolinhas amarelinhas.

      1. Óia, sô padre. sinhor mi adiscurpe as palavra, mai amsim roxa cum bolinha amarela só si tive cum gonorrea braba. Rasquei lasca, sô padre!!!!.

    1. Soube, por fonte fidedigna, que a manchete do PIG amanhã será: PARAIBANOS NÃO TEM BOA PONTARIA”. humpf! Gastando ovos assim, bem vinda será a terceirização para ver se aprendem a economizar.

  3. São quinze horas em banânia City.
    Navegando nas ondas da democracia, da moral e dos bons costumes, a Rádio DU-06 – Seis Defuntos Unidos, As vozes do Alem , através de DJ Squeletão, ao vivo mas nem tanto, direto do cemitério vem atender os pedidos dos ouvintes.

    Esta múpsica foi opherctada gentillmente pellas comunidades carenctes da baixada santiscta ao dignyssimo preboste chamuscado adorador do danger-selfie

    https://www.youtube.com/watch?v=NouVsmM069Q

  4. Começou hoje (10), na Cidade do Panamá, a 7ª Cúpula das Américas, com participação de 35 chefes de Estado e de Governo do Continente Americano. mais importante ainda que deve selar a reaproximação diplomática dos Estados Unidos e Cuba.
    Assim sendo, os organizadores providenciaram um reforço para o pessoal da copa e contrataram uma terceirizados para ajudar a servir os participantes e convidados. Devido à grande pompa e circunstância , o chefe do cerimonial exigiu que os terceirizados fizessem um treinamento.

    http://opiniaoenoticia.com.br/wp-content/uploads/dilma-panela-300x169.jpg
    Funcionária terceirizada fazendo treinamento para servir na Cúpula das Américas

    Nos primeiros compromissos foram servidos canapés e brioches havendo depois jantar para os chefes de Estado e de Governo, oferecido pelo presidente do Panamá, Juan Carlos Varela Rodrigues.

    http://imgsapp.diariodepernambuco.com.br/app/noticia_127983242361/2015/04/10/570819/20150410151351536111a.jpg
    Funcionária terceirizada oferece canapés

      1. Mavórcio combatente:

        Agradeço a perctinaz lembrança do caríssimo comphrade. Tenctei tracduzir, mas peço que me perdoem qualquer phalha na traducção
        Comphesso que desde que dei baixa na Legião Estrangeyra, já andava um poico quancto tancto sauddoso em ouvir ouctra vez o sonoro som sibillancte da voz de uma linda mulher sussurrando pallavras em árabe marroquino.

        Do que entendi, ei-la:

        Gritando como espíritos da noite, por magia libertos,
        alguns roedores invadiram de súbito tão nobre salão.
        Diante do ali ora inquirido por interrogadores expertos,
        associar a eles a imagem de um partido era a intenção.

        Um espectador de semblante triste olhou a luz distante,
        repudiou o risco dos pobres animaizinhos serem pisoteados
        olhou nos olhos dos presentes, num plenário borbulhante,
        questionando: realmente, quem seriam os ratos propalados.

        (estribilho) Os que garantem emprego, a saúde e a habitação
        ou os que aprovam projeto de terceirização
        Os que permitiram que o filho da faxineira fosse doutor
        ou os que quebraram um pais deixando-o do FMI devedor.

        Do que disse, tudo foi assustador, causou grande comoção
        um burburinho naquelas pessoas elegantemente ali vestidas;
        havia lá alguns dos que sequer construíram uma habitação,
        e roeram o erário em escabrosas transações escondidas.

        Ao anoitecer, quando uma primeira estrela na noite brilhar,
        mais de trinta milhões de pessoas que ora saíram da miséria,
        verão o traço mais visível da esperança num feixe do luar,
        debalde desejos dos que sustentaram a ditadura, a pilhéria.

        (estribilho)Os que garantem emprego, a saúde e a habitação,
        ou os que aprovam aquele projeto de terceirização.
        Os que permitiram que o filho da faxineira fosse doutor,
        ou os que quebraram um pais deixando-o do FMI devedor.

        Haverá sempre atrás deles, da noite o breu e escuridão
        sustentados pelo poder econômico escravos do vil metal
        são eles os verdadeiros roedores do dinheiro da Nação
        são eles que querem entregar o maior patrimônio do bananal

        (estribilho) Os que garantem emprego, a saúde e a habitação
        ou os que aprovam projeto de terceirização
        Os que permitiram que o filho da faxineira fosse doutor
        ou os que quebraram um pais deixando-o do FMI devedor.

        Os que garantem emprego, a saúde e a habitação
        ou os que aprovam projeto de terceirização
        Os que permitiram que o filho da faxineira fosse doutor
        ou os que quebraram um pais deixando-o do FMI devedor.

        1. deveras emocionante assistir tão briosos jovens a gritar palavras de ordem e progresso para proteção danação. só mesmo com choques elétricos e chutes poderemos acabar com a cambada que hoje nos desgoverna. Nesse caso, acho que a maioridade penal deveria ser baixada para 14 anos. Se podem ser submetidos a esse treinamento, decerto estarão aptos a enfrentar as consequências de seus atos.

      1. Caros confrades:

        A foto que ilustrava meu post sumiu, em que pese o link estar correto. Passei incólume pelo rebotation e acabei ficando numa teia comunista que queria impedir que eu divulgasse a imagem da búlgara servindo canapés e brioches.

  5. Em Banânia, 23:00 horas. Regule o volume do seu PC, pois você está sintonizando a DU-6 – Radio Seis Defuntos Unidos – As vozes do Além, emissora internacional dezte paiz. Continuando mais um programa sob o comando do DJ MC Squeletto, vamos atender aos pedidos dos rádio ouvintes…. E quem pede uma música são os eleitores daquele senador engripado numa maracutaia brava. Na verdade, eles pediram ” Deixa que digam”, do Jair Rodrigues. Infelizmente não temos o LP do Jair Rodrigues, mas, mesmo sem jabá, vamos dar uma colher de chá para o Alípio Martins, com uma música que tem alguma coisa a ver. Escrevam suas cartinhas

    https://youtu.be/-89UVExKjZ4

  6. Eis aqui esse sambinha, feito de um neurônio só, outros malas vão tentar, mas a minha é a maior, isso tudo é consequência, do que acabo de dizer, etc.

    O historiador das multidões, Villa, mas não o Pancho, é o mais preparado para enfrentar os debates com a malta carmim-escuro.

    Com um único neurônio, consegue vencer seus oponentes canhotos.

    Imagine se ele usasse os que estão de férias em Miami Vice!

    Villa, o historiador das multidões, tem lugar cativo no Ministério do governo dos cultos, brevemente em cartaz no Planalto, no lugar da camarilha lulo-dilmista que se assenhorou do poder mesmo tendo perdido as eleições, conforme é sabido de todos.

    Villa, com esse, a história combina!

    Ave!

  7. Caríssimo ipiranguense da Villa, só que Canária: nós sempre vamos puxar assunto discutindo futebol mas como tema é esse tal de Villa, o famoso vidente que sempre acerta na derrota do mais derrotado, o Lula, eu…… não conheço, só ouvi falar das premonições mãedináticas desse famoso, misto de sonhador com pai-de-santo, que não passa na minha tv porque o técnico ainda não colocou a antena da Globo aqui em casa para eu assistir o sinhozinho Malta que deve estar acabando. Mas como hoje é Sábado vamos ver se eu coloco este vídeo para que a confraria se embeveça . https://www.youtube.com/watch?v=pjyi4k31mZo&feature=player_detailpage

        1. Lindo mesmo Vivi. Obrigada. Aliás, sempre digo a meu amado marido: se esse rapaz não se meter com bebidas e drogas, terá um belo futuro! O inesquecível ge. Figueiredo já prenunciava isso, dizendo que gostava muito da fase romântica do compositor. Ao que esse retrucou: também gosto muito da fase romântica do general. Um tanto abusado, o rapaz, mas talentoso. (e, além de tudo é lindo!!)

    1. Caro baiano: é uma pena que o “chorinho” do Villa não pode ser visto e ouvido na sua tv. Fiquemos então com a sua melodia, Nara se perde, tudo se transforma!

      1. Confrades, esta daqui onde estiver deve estar de mãos dadas com porteiros, garis, ajudantes de pedreiro, empregadas domésticas, e outros do mesmo nível e ouve a voz do galileu dizendo “quem quiser ser o maior, seja o vosso servo”. A irmã é uma moça de benz, onde estiver estará com gente boa e de benz igualmente e ouvirá a mensagem do Villa dizendo “ou renuncia……”
        Que S. Serapião a espere

    1. O cúmulo da sede é tomar um ônibus. Mas nunca comendo baconzitos sentado ao lado de uma sobrinha que faz Crônicas de uma nota só. Aí, só com miolo mole!

  8. Caro D’amato, prophessor D’Almeida Prado, demaes dephensores da pluralidade do pensamento único phinanciado pelo esptado

    Senhores, na realidade não sei de quem se trata, no momento esptou em local seguro me aphasptando de delapções do estado policialesco.

    Pelas declarações entendo que o articulispta é contrário ao estado policialesco que phaz uso de Zelotes e dos vazamentos de fHessebêCê, para, criminosamente, atingir a honra de pessoas de bem!! E o phaz sem quaisquer provas legaes, baseando-se em ilações e depoimentos premiandos, que em úlptima análise estimulam o criminoso!!

    E conclui pedindo, correctamente, sentença imediata conta a búlgara!! As provas phoram publicadas na capa da Veja na véspera das eleipções onde Paulo Roberto Costa, ladrão e bilionário, arrependido e milionário, portanto, perdoado, acusava: elles sabiam de tudo!! Basta de chicanes!! Jusiticia dja!!

    “Ou renuncia ou pedimos seu impeachment”!
    Bastante original, mas acho é hum dos que derrubou o ibope da globo nos últimos meses. Sabe se saiu em primeira página?

    1. Caro companheiro d’armas.
      Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades,
      Muda-se o ser, muda-se a confiança:
      Todo o mundo é composto de mudança,
      Mudou também o sr. Paulo Roberto da Costa: desdisse o que antes disse. Não houve sobrepreço, houve achaque sobre o lucro dos pobres empreiteiros. Portanto, coronel, não houve cartel, nem prejuízo à petroleira. Foi só um pequeno achaque de funcionários sobre o lucro auferido pelos intrépidos empreendedores, coitados! De maneira,, coronel, como tudo muda, não sei se a notícia derrubou o ibope, se saiu na primeira página. O que sei é que já podes sair desse lugar seguro e fazer uma fotossíntese em local ensolarado e público. Quanto a búlgara, aí é outra história. Ela sabia de tudo.Por isso, o mantra: ou renuncia ou pedimos o seu (não o seu,coronel, o dela)impeachment.

      P.S. Agora, caro Lalado, tem um porém: se foi fisgado pela operação zelote ou se teve o nome incluído na lista do fhessebêce, aí é que vai poder dormir tranquilo mesmo. Isso não é notícia! Isso não passa de fofoca feita com o intuito de prejudicar homens bons e de bens.

      1. Caro D’Amato

        Voltar antes da expulsão completa dos petralhas eu não volto, não comphio em polícia que phaz diligências em SUV apreendido !! No meu tempo diligências eram com cavalos, depoes vieram as veraneios, saudosa lembrança, quantos carretos…

        Então o ex bilionário e ladrão arrependido, voltou atrás e, apenas milionário, não quer maes nada, só a verdade, ainda bem que cophirmou que ela sabia de tudo!!

        Se valia a pena os 87 bilhões de prejuízo econômico para prender os corruptos que desviaram os 2.1 bilhões… quer dizer que 2.1 bilhões não existem mais? Não restou provado? .. só temos o prejuízo de 87 bilhões sem pai nem mãe… mas phelizmente sem corrupção.

        Ah!! a república dos bachareis meritocráticos !! Valeu o escândalo!!

        1. Falou e disse Coronel.
          Essa justiça dos bacharéis ficará já entrou para os anais(?) da história, com fotografia e tudo publicada no jornal das diligências, digo, carros cedidos para a repressão, digo, livre expressão.

        2. Colonel,
          Eu vou ser obrigado a discordar de novo!
          Vós aphirmais:
          “mas phelizmente sem corrupção.”
          Responda sem piscar:
          E as medalha, medalha, medalha que o juiz do Paraná recebeu do plim plim global?
          Quem garante que aquilo não phoi corrupyção?
          Neste Brazil, sem corrupção só a eleição em 2038 de ÇERRA45, fegacê vice…viiiiiiiixinsinhora!

  9. Caro D’Amato, propphessor D’Almeida Prado, demaes luptadores contra a dictadura bolivo-castrista

    Prophessor quem vae colher as assinaturas do abaixo assinado comprovando audiência da globo, de 100%, na maniphestacção de amanhâ?

  10. Xará do afrodescendente inglês da FI que ninguém segura mais, Hamilton

    Lembrando Morvan, que disse que no país puta goza, traficante se vicia, e eu disse que também sindicalista apoia terceirização de mão de obra (pauzinho da forca), o artigo abaixo resume a ópera, em todos os capítulos, desde 1964, depois FHC e agora (infelizmente com a pusilimidade do PT), PMDB:

    -- 1964, tudo de ruim para os trabalhadores: proibição de greve, prisão de sindicalistas e operários, gatilho salarial disparado sempre que a inflação atingia um patamar, mas sempre abaixo da inflação, etc.

    -- FHC- Iniciou a Reforma Previdenciária do Setor Privado, instituindo, entre outras maldades, o “fator previdenciário”

    -- Lula- Continuou a Reforma Previdenciária, desta vez no Setor Público, estabelecendo regras (até boas) para cálculos do tempo para angariar aposentadoria (idade mínima, 35 anos de contribuição, tempo mínimo no serviço público, etc.) e instituindo a contribuição para os aposentados (muito ruim).

    -- PMDB- com a omissão dos Petistas, querem aprovar a TERCEIRIZAÇÃO TOTAL DA MÃO DE OBRA! (péssimo)

    Agora, eu pergunto (ironia off) essa não era a hora do PT, dispondo, ainda, da militância, usando a internet, matéria paga na TV, Jornal e Revistas, convocar todos os trabalhadores para uma monumental marcha cívica, greve geral, o escambau para mostrar para aqueles filhos da puta do congresso que ninguém aceita isso? Trabalhador é mal informado. É possível que alguns até estão achando a ideia boa! Tem que esclarecer. ora bolas.

    LAMENTÁVEL PT, PSOL, PC DO B, PCB E TODOS OS PARTIDOS DE ESQUERDA COVARDES!!!

    http://www.cartacapital.com.br/economia/lei-da-terceirizacao-e-a-maior-derrota-popular-desde-o-golpe-de-64-2867.html

    1. Sim, padre. Parece que uma greve já foi convocada pela CUT. E que eu saiba o PT e o PC do B não votaram a favor do PL….Nosso problema, padre, é que, embora tenhamos melhorado a vida de milhões de brasileiros, esquecemos que deveríamos politizá-los também. Quando um sujeito sai da miséria e passa a ser consumidor, ele compra também -- se não tiver informação nenhuma na cabeça- a ideologia da classe média reacionária….pensa igual ao patrão. Vota no aidimin, porque ele, aidimin, tem cara de chefe de escritório…..

      1. Discordo veementemente, sr. Damato!
        Aidimin, absolutamente NÃO tem cara de chefe de escriptório.
        Aidimin tem cara de….
        Picolé. De chuchu!
        ÇERRA45 tem cara de ….
        prizidenti. Mas só em 2038.
        viiiiiiiiiixe! fegacê (vice)

      2. “…embora tenhamos melhorado a vida de milhões de brasileiros…”

        Você e o Padre melhoraram a vida de milhões de brasileiros?
        São coautores do Plano Real?
        É revoltante a pretensão e a soberba nojenta de vocês petistas.
        Jogaram o país no lixo, isto sim. Aonde tem PT tem maracutaia.

        1. Fizemos o possível Lucas. Melhor teríamos feito se pudéssemos contar com Neca. Teríamos noites bucólicas, arcadianas, dormiríamos em paz, lambuzados de mel. Porém antes do sono profundo leríamos nosso extrato bancário à luz de lamparinas, sustentáveis.

    2. CreioemDeosPai!! Espte coroinha do Padre Quevedo deve esptar terceirizado!! Padre volta a dar coca-cola e hum pastel… senão pode acontecer huma delapção premiada e a coisa pode phicar ainda peor!!

        1. Coronel,

          Então, acontece que ele, o Lenin Carlos Marques, coroinha aqui da igreja, é TERCEIRIZADO. O remédio talvez seja chamar a contratadora e pedir outro. Eu pergunto, com essa nova boa lei, já dá pra amarrar no tronco e chicotear? Acho que li algo a respeito.

          1. Bença Padre,

            O problema maior seria se mandassem um terceirizado que comunga da hóstia dos malaphaias e derivados, e ele resolvesse chutar os santos da igreja!! Que horror!!

            Quanto ao chicote, não sei se já pode, mas serão votados uma série de adendos e destaques que, no conjunto vão permitir a volta da palmatória nos casos de instruções não executadas e solicitações não atendidas

        2. Colonel,
          Imphormo que a tabela da desencapetação está em 10%,
          Da mesma forma que casamento, cura de unha encravada ou desboiolação.
          Taripha única!
          Mas há exceções! Em caso de pressa no resultado, pode-se recorrer à Phogueira Sancta.
          Ai phica maes caro.
          Vai o Chevette, o ap de férias na praia da sogra, o anel de noivado (e outros…..epa!).
          Diz que a tal fogueira é capaz até de emplacar ÇERRA45 e seu vice fegacê……viiiiiiiixe! em 2038!

  11. Sagrada Confraria! Alvíssaras. Um pouco fora de pauta (musical), mas são tantos os temas palpitantes do momento, e que estão se encadeando de uma maneira tão harmoniosa, que não posso deixar de comentar e compartilhar os novos e bons tempos que se anunciam. Primeiramente, a terceirização dos trabalhadores, início do fim dessa maldita CLT e retorno triunfal do regime escravocrata, que tanta saudade nos deixou. Simultaneamente, redução da maioridade penal (embora ainda ache muito, 16 anos. Pra nós seria melhor 14 ou até mesmo 12 anos, considerando o 1º item do fora de pauta), pois não mais seremos “censurados” por dar cascudos, chute no peito e até mesmo choques elétricos pelos mal feitos que essa gurizada vem fazendo; e, por último, mas não menos importante, o pedido de ajuda que importante membro do MP fez à mídia, para que a gloriosa, proba e isenta operação vaza jato não se perca nos meandros da justiça, por obra de algum juiz petralha ou comunista. Lembrei, de imediato, de programas de auditório de antanho (vai para o trono ou tronco, conforme o caso -- ou não vai?), onde a participação popular livre e consciente se fazia ouvir. Mas depois achei que, dada a imponência do solicitante e dos valores morais e financeiros em jogo, a melhor comparação seria com aquelas lindas disputas entre cristãos e leões. Poderiam ser utilizadas as tais arenas da copa que não houve, que estão aí tal qual elefantes brancos a nos lembrar dos recursos que foram desviados de alguma coisa, que não lembro mais o que, dado que não era de nosso interesse. Em São Serapião confiamos, que tudo será para o melhor para nós, evidentemente. Desculpem o tamanho do comentário. Prometo ser mais sucinta da próxima vez.

    1. Isso, isso, Maria Thereza. Foi por isso que estudamos literatura: temos Kafka entranhado, queremos desde já a colonia penal porque é de pequenino que se entorta o pepino; Foi por isso que estudamos economia: queremos salários mais baixos, pra reduzir nossos custos e ganhar novos mercados; Foi por isso que estudamos religião: o povo não precisa estar bem alimentado pra entender a metafísica, basta que desmaie sem nunca perder a fé. Temos fé nesse novo mundo que se avizinha, que enche de emoção as senhoras Augusta, Pamplona e Consolação, marchando ao lado do Padre João Manoel e do Brigadeiro Luiz Antonio. Cheio de brios, eles prometem fazer uma grande proeza: chegar até os Estados Unidos a pé!

  12. É necessário nespte momento resgatar o projecto de terceirizapção, vou ser didaptico:

    -o Brazil não aguenta maes estas leis trabalhistas;

    -o período enterior a revolupção de 30 phoe o melhor possível, não havia leis trabalisptas;

    -neste período o Brazil exportava Caphé e açucar;

    -depois do bolivarianismo apareceram as phérias remuneradas, estabilidade, e o doentio salário mínimo;

    -neste período o Brazil exportava minério de pherro e caphé;

    -depoes tivemos hum período de alívio com os dias Gloriosos da Redentora;

    -durante a redentora o Brazil phechou as phronteiras para desenvolver sua indústria do sudeste;

    -neste período as exportações eram de minério de pherro e caphe, mas exportávamos novelas e não importávamos carros;

    -bancos e empresas no paraíso subsidiado, maravilha dos mercados naceonais, sindicatos, como deve ser, comemorando o 1º de maio;

    -depoes veio a época de ouro da abertura da economia;

    -passamos a exportar minério de pherro e caphé;

    -tivemos então o período negro do incremento do consumo interno, pelo aumento de salário, que é inphlacionário, e pleno emprego, que é implhacionário;

    -passamos a exportar minério de pherro e soja;

    -com a políptica populispta só ganharam o comércio, os trabalhadores de salário mínimo, as indústrias de bens de consumo, desagradando aos bancos que tiveram que reduzir seu, deles, spread a míseros 50%;

    -não tardou a economia estagnou;

    -exportávamos então, pherro e soja;

    -é necessário que nossa indústria, volte a ser competitiva internacionalmente, precisamos acabar com o salário mínimo e com a CêéLetê;

    -os juros a prudencies 200% ao ano, para o tomador, não inibem os investimentos, em modernização,inovação tecnológica, melhoria da qualidade e da rede de venda e servicios;

    -modernização é redução de salários e direiptos, em quaoquer lugar do mundo;

    -resolvido ispto passaremos a exportar, pherro e soja, mas vencendo com galhardia os subsídios americanos aproductos como o arroz, pheijão, mandioca, milho , se eles não mexerem no dolar;

    -os paneleiros de espaço gourmet pode descansar tomando seu vinho importado em paz, como são poucos magistrados, não pesam na balança;

    -os empresários maes chegados a base, que é sempre a mesma para quaoquer governo, podem conseguir empréstimos no bêénedêésse;

    -phim.

  13. MENSAGEM À NACÇÃO BRAZILEIRA

    Humpf! Caros cú-rtidores, ardentes por uma Intervencção Militar Nacional no Bananal, caros bananehiros ardentes por mudança diretas e direhitas e hariovaldihanistas. Venho aqui lhes convocar-lhes a batalhar em uma nova phase desta guerra internaccional contra o grêmmio, digo, contra o communismo, Internacionalista e Materialista e Atehísta e Bulgarista e Gentalhista, consequência do também Internacionalista e Materialista e Nouvinhentista Coletivismo, que se assenta na solidariedade entre bôlsasphamilhistas, bolivarianistas, cubanistas, Pyhonngyannggisttas (é phavôr lêr este nome pausadamente) que phracciona a nacção na triste duallidade cheirózos, limpos e bonitos versus oszoutros.

    Essa nova phase, constitui uma batalha para a formação de uma identidade patrióptica e corpo nacional, com base em Miami. Nas phileiras militares e Escola das Américas, aprendemos a união e o espírito de corpo (na práctica, aprendi com as creadinhas). Ora! Se hum homem-bom erra, a plebe paga. Nas palavras do célebre Fugiro-Nakombbi “Só através do grupo, percebi -- através do compartilhamento do sophrimento da niguenzada -- poderia o bolso chegar a essa altura do que quero gastar.” [ NAKOMBBI, Fugiro. Sun and Steel; 1968].
    E para encerrar!
    “A Nacção Brazileira deve ser organisada, huna (sem Unos empheihando as estradas), indivizível do Suddeste pra baixo, phorte, poderoza como Wallêska, rica como Heyke, próspera como Cláudio e Pheliz como hum tercehirizado.” [SALGADO, Plínio. Manifesto Integralista de 7 de Outubro de 1932]

  14. Comphades:

    A gloryosa Pollycea Millictar ainda não conseguiu terminar de conctar as pessoas que estão na avenida Pauliscta. Como alguns já estão indo embora ( não teve show de sertanejo ) vae ser diphicil dizer quanctos eram ou foram ou seriam, quem sabe!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *