Fernando Haddad é o grande vilão da falta d’água

Após mergulhar a cidade na falta de água, Fernando Haddad ignora o povo e sai nadando de braçadas na crise hídrica, inundando a cidade com medidas absurdas

Mais uma vez a face cruel do bolchevismo se torna visível novamente, infelizmente para nossas crianças, negando ao povo um direito básico, depois uma série de negligências por incompetência e ineficiência deste governo comunista municipal, que após ser alertado por anos, nada fez para evitar o pior.

Fernando Haddad, para desgosto de Geraldo Alckmin, passou a  adotar medidas draconianas em relação a leve crise hídrica que ele mesmo ajudou a criar, fazendo órgão públicos municipais, creches e escolas a reduzirem o consumo do líquido vital, medida que todos sabemos, desnecessária.

Haddad e seus convivas

Não fosse a salutar vigilância do Diário dos Homens Bons sobre o alcaide vermelho, tal medida absurda passaria despercebida, sendo apenas mais um ato infame dos bolchevistas na direção de criar o factóide do racionamento e constranger o governador que nada tem a ver com isso.

Vigiai irmãos, vigiai, pois pelo andar da coisa, logo o Fernando usurpador poderá proibir a venda de água importada, impedindo assim que enchamos a banheira com a levíssima água Still & Sparkling para o banho noturno.


Após negar água às criancinhas, o prefeito avisa:
If I had to do the same again
I would, my friend.
Fernando

Facebook Comments Box
Compartilhar

76 thoughts on “Fernando Haddad é o grande vilão da falta d’água

  1. Lembremos o grande Rodrigo Constatino dizendo, apoplético, num vídeo seu, que até a filhinha dele de 5 anos voltou da escola dizendo que eles precisavam economizar água.
    Imaginem os confrades em Serapião que este amantíssimo pai teve que explicar à filha que não é porque ela toma um banho relaxante que demore mais ou deixe a torneira aberta durante a escovação dentária que ela vai acabar com a água disponível à escumalha.
    No final, este bastião da moralidade ainda diz que quem gosta de viver no desconforto que vá para Cuba. Que ele e a família continuarão a tomar banhos relaxantes e demorados e isso é um direito deles.

    Não, eu não estou brincando… Este vídeo existe mesmo.

    1. Donairosa Laninha Marinho Scarpa -- Senhora Marinho Scarpa
      demais confrades e confreiras
      leitores em geral

      Sempre exiscthirão pessoas de tal rephino que serão cricticadas por comunysthas atheus que insisthem nessa menthyra de faltha de água.
      Poes não é que o prebosthe moscowitha já esthá pensando em criar em thodas as reparthyções pucblicas o cargo de pipi-boy e sua correspondencthe pipi-girl ? Seryam pessoas theynadas para acompanharem o populacho aos banheiyos públiccos a fim de que conthrolasse a duração do thempo das deschargas usadas nos vazos sanyctáreos.

      1. Purificado Professor Almeida Prado, que, por mérito próprio, só sorve águas filtradas por pedras vulcânicas, é realmente um acinte que crianças tenham que pagar pela irresponsabilidade hídrica do turco-mestre, digo do burgomestre vermelho que, bem feito!, já sofre saraivadas de ações impetradas por pais e professores junto aos conselhos tutelares desta pujante cidade. O referido conselho já alertou o alcaíde de que brincadeira de mão, brincadeira de vilão. E brincadeira de pé, Dom Bosco não qué. Mas de nada adiantou. O prefeito continua perseverando na vilania Até o governador Aidimin que não tem nada a ver com isso, recriminou o prefeito por determinar que adultos acompanhem alunos até o banheiro para impedi-los de desperdiçar água e de colocar em prática o 5x1, o que afronta os ensinamentos de Zemaria de Balaguer.
        A única notícia boa de sua postagem, purificado mestre, é o da insurgência da escola da Freggezia do Oh. Ela, talvez por influência do lider comunitário Prof. Julio Cezar Fregguezia, mandou um recado para o prefeito: “Óh, aqui pra você! Ninguém mexe na nossa mangueira”.
        ” Nem a Vai-Vai, nem a Beija Flor. Os únicos autorizados a pegar na nossa mangueira são os carnavalescos do Grêmio Recreativo Unidos de Higienópolis. Porque sem água, não dá. Assim não pode.

    2. Dona Laninha,

      Estou com necessidade de passar uns 10 dias no desconphorto do inpherno cumunista em Varadero, Havana ou outro lugar da ilha-prisão (excetuando Guantânamo, único bastião da liberdade naquelas plagas) para comprovar que Cuba lança água phora da bacia dos homens de bens, causando problemas ao aqüíphero do emérito Dr. Alckmin e desconphorto e constrangimentos phamílio-escolares à criancinha constantina.
      Phaltam-me porém phundos, motivo pelo qual apelo aos amigos do imortal millenista, intelectual de altíssimo Q.I. e larga cultura austríaca, estes que vivem gritando pelas ruas aos rubropatas, “vai para Cuba!”, para que depositem o dinheiro da passagem em minha C.C. de maneira que possa atendê-los.
      Aguardo as doações.

    3. Boa tarde.

      Laninha Marinho Scarpa -- Senhora Marinho Scarpa (4 de fevereiro de 2015 at 9:18):

      Lembremos o grande Rodrigo Constatino dizendo, apoplético, num vídeo seu, que até a filhinha dele de 5 anos voltou da escola dizendo que eles precisavam economizar água.
      Imaginem os confrades em Serapião que este amantíssimo pai teve que explicar à filha que não é porque ela toma um banho relaxante que demore mais ou deixe a torneira aberta durante a escovação dentária que ela vai acabar com a água disponível à escumalha…

      Ora, Sra. Laninha, Scarpa. Se até o bucéfalo existe, porque não o vídeo? Agora, você poderia nos ter poupado de ter de procurá-lo, ávidos pelos ensinamentos deste aparentado do Sfhincter, servo do nosso amigo Hamilton Damato. Deveria ter postado a URL do vídeo.

      Saudações bolivarianas; {♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥}; “Levy, Eduardo [A]Cunha, Kátia Ah, Breu. Porha, Dilma. Eu votei foi só em você. Xô, ´sombração“,
      Morvan, Usuário GNU-Linux #433640. Seja Legal; seja Livre. Use GNU-Linux.

      1. Assim que chegar em casa eu posto aqui, amigo Morvan. É que Estou neste momento na Daslu, onde procuro relaxar comprando mimos para mim mesma. (alem do que, minha referencia é o twitter, que é bloqueado em orgaos púbicos (com trocadilho)

        1. Boa tarde.

          Laninha Marinho Scarpa -- Senhora Marinho Scarpa (4 de fevereiro de 2015 at 13:38):

          … É que Estou neste momento na Daslu, onde procuro relaxar comprando mimos para mim mesma. (alem do que, minha referencia é o twitter, que é bloqueado em orgaos púbicos…

          Ka, ka, ka, ka. Ah, se você vir a D. Lu Aidimin, peça-lhe um copo de ‘regalo’. De preferência, com água. Perrier.

          Saudações bolivarianas; {♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥}; “Levy, Eduardo [A]Cunha, Kátia Ah, Breu. Porha, Dilma. Eu votei foi só em você. Xô, ´sombração“,
          Morvan, Usuário GNU-Linux #433640. Seja Legal; seja Livre. Use GNU-Linux.

          1. Sinceramente Morvan, eu até pensei em pedir a Madame Laninha pra liberar pra galera, mas estou receosa de ouvir e ver tanta “sapiência” e depois ficar três dias em coma. Sabe como é, eu não tenho tanta inteligência assim.

            1. Boa tarde.

              patricialex (4 de fevereiro de 2015 at 14:01):

              Sinceramente Morvan, eu até pensei em pedir a Madame Laninha pra liberar pra galera, mas estou receosa de ouvir e ver tanta “sapiência” e depois ficar três dias em coma. Sabe como é, eu não tenho tanta inteligência assim.

              Mas sapiência, cara PatriciaLex, neste caso, é bom sinal. Onde tem sapiência, tem aguiência. Então, a casa do bucéfalo Constantino deve estar cheia de H²O; e de batráquios, ‘ovicorrrse’, como diz minha outra amiga Vivi.

              Saudações bolivarianas; {♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥}; “Levy, Eduardo [A]Cunha, Kátia Ah, Breu. Porha, Dilma. Eu votei foi só em você. Xô, ´sombração“,
              Morvan, Usuário GNU-Linux #433640. Seja Legal; seja Livre. Use GNU-Linux.

            2. Cara Patrícia,
              No caso de comments, ando que nem água em sunpaulo… parca!
              Mas, se lhe serve de consollo, intelligência é que nem chiffre, coisa que dá na cabeça da gente… só isso!
              E é melhor não pedir a Laninha pra “libberar pra gallera”… levantar essa bola é o suphiciente pro gaiato Morvan cortar! Ele nasceu assim, pensa e logo é xiste!

            3. Boa tarde.

              Vivi (4 de fevereiro de 2015 at 14:34):

              SE é melhor não pedir a Laninha pra “libberar pra gallera”… levantar essa bola é o suphiciente pro gaiato Morvan cortar! Ele nasceu assim, pensa e logo é xiste!…

              Cara Vivi. Confesso que enxerguei a oportunidade de “frescar”. Mas refuguei, pois respeito demais a cada um daqui, para não fazer troça com nenhum de vocês. Agora, o “Penso, Logo É Xiste” é dila. René Não Me Descartes que o diga.

              Saudações bolivarianas; {♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥}; “Levy, Eduardo [A]Cunha, Kátia Ah, Breu. Porha, Dilma. Eu votei foi só em você. Xô, ´sombração“,
              Morvan, Usuário GNU-Linux #433640. Seja Legal; seja Livre. Use GNU-Linux.

      2. Grandioso e Mór, Morvan: há uma constante, um mesmo peso e odor, entre as idéias expelidas pelo seu Constantino bucefálo e as expelidas pelo meu Sfhincter. São idéias convergentes. Diria, escatológicas….

        1. Cuidado, que a Fadinha da Floresta pode denunciá-lo pela produsssão de gasess, aumento do epheito estupha… e pra coroar o conphrade sai na Zóia -- aí é um phestival de cãovergências.

    1. Bom dia.

      emerson57 (4 de fevereiro de 2015 at 9:23):

      Tio Hariovaldo,
      Crise hídrica é passado!
      Nosso grande cacique Cobra Çerral já encomendou chuva suphiciente…

      Olhando para este Quasímodo, digo, grande cacique, nunca esqueço a definição de Ciro Gomes, sobre o CCÇ:
      Feio por dentro e por fora. Mesmo que o indigitado não seja um Bradd Pit, por dentro é que o inferno arde.

      Saudações bolivarianas; {♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥}; “Levy, Eduardo [A]Cunha, Kátia Ah, Breu. Porha, Dilma. Eu votei foi só em você. Xô, ´sombração“,
      Morvan, Usuário GNU-Linux #433640. Seja Legal; seja Livre. Use GNU-Linux.

  2. Ungido prophessor D’Almeida Prado, demaes enxuptos(as,ões)

    Ainda bem que temos huma imprensa vigilante e que não deixa de chamar atenção sobre os phardos que são impostos sobre as crianças, que, sem motivo algum, passam a ser martirizados por esptes sádicos petralhas!!

    Não vae haver CêPêI na assembléia sobre os mal tratos impostos, pelo prepheicto do PêTê, às crianças de SaoPaolo? E o supremo não vae tomar nenhuma providência? Enquanto ispto o Doutor Geraldo baixa o ICMS da ágoa importada, e inclui o producto na sespta básica. Meo Deos como alguém pode votar nesptes ateos comunisptas e pheios nas próximas eleipções?!!

  3. Aramaico Professor Hariovaldo. Se ABA é por nós quem será contra nós ? O trecho da música anexa, deixa claro o castigo para quem cruzar as fronteiras da civilização dos irmãos do North.

    “Do you still recall the frightful night
    we crossed the Rio Grande”?

  4. Boa tarde.
    Distinta escol dos de benz antibolivarianos:
    A Graça caiu. O PIG está em estado de. Nenhuma surpresa. O PIG Salomé (sabe, como ninguém, pedir a cabeça de adversários. E sempre é atendido) está em polvorosa. Agora, certamente o nosso PIG, secção Q. I. (quem indico?) vai dizer que o bom presidente da Petrobrax é o nosso CCÇ (d. a. do meu amigo Emerson57). A gerentona vai atender, claro. Tá tudo dominado, viu?

    Saudações bolivarianas; {♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥}; “Levy, Eduardo [A]Cunha, Kátia Ah, Breu. Porha, Dilma. Eu votei foi só em você. Xô, ´sombração“,
    Morvan, Usuário GNU-Linux #433640. Seja Legal; seja Livre. Use GNU-Linux.

    1. Caro Sr Morvan e demais,
      Foram vinte e sete anos labutando, assistindo e aplaudindo a grandeza de um corpo e alma de trabalhadores e trabalhadoras que fazem da empresa Petrobras muito mais que um local de trabalho, mais muito mais. O patrimônio intangível dela vale e faz valer mais que qualquer deus de mercado possa avaliar. Dele fiz parte, dele sou parte para sempre.
      O meu testemunho, inspirado por vosso comentário, quer trazer o desalento por assistir ao espetáculo sórdido, protagonizado por tão dantescas figuras, empenhadas na descaracterização da auto estima de quem produz, de quem faz acontecer a sucessão de recordes. Não passarão, posso afiançar. Em cada plataforma, em cada navio, em cada poço, seja em qual posto de trabalho for, existe um brasileiro de moral limpa, ético, valente, sustentando, faça chuva ou sol, a garra que faz a tecnologia trabalhar em favor do pais e de seu povo. Nós petroleiros temos orgulho de trabalhar na maior empresa do pais, uma das maiores do mundo, somos maiores que os mascates. Somos todos Petrobras.
      Eles passarão, a instituição PETROBRAS permanecerá brasileira. Jamais Petrobrax.

      1. Boa tarde.

        Fiel seguidora (4 de fevereiro de 2015 at 15:14):

        Caro Sr Morvan e demais,
        Foram vinte e sete anos labutando, assistindo e aplaudindo a grandeza de um corpo e alma de trabalhadores e trabalhadoras que fazem da empresa Petrobras muito mais que um local de trabalho, mais muito mais. O patrimônio intangível dela vale e faz valer mais que qualquer deus de mercado possa avaliar. Dele fiz parte, dele sou parte para sempre.
        O meu testemunho, inspirado por vosso comentário, quer trazer o desalento por assistir ao espetáculo sórdido, protagonizado por tão dantescas figuras, empenhadas na descaracterização da auto estima de quem produz, de quem faz acontecer a sucessão de recordes. Não passarão, posso afiançar. Em cada plataforma, em cada navio, em cada poço, seja em qual posto de trabalho for, existe um brasileiro de moral limpa, ético, valente, sustentando, faça chuva ou sol, a garra que faz a tecnologia trabalhar em favor do pais e de seu povo. Nós petroleiros temos orgulho de trabalhar na maior empresa do pais, uma das maiores do mundo, somos maiores que os mascates. Somos todos Petrobras.
        Eles passarão, a instituição PETROBRAS permanecerá brasileira. Jamais Petrobrax.

        [Ironia_Desligada]
        Cara Fiel Seguidora. Espero que você tenha razão. Acredito na classe trabalhadora (não disse que acredito em pelegos que pensam que democracia se restringe a acordos entre salas; aí é outra coisa). E a Petrobrás é exemplo não só para o nosso país. É o, para o mundo. Só que existe uma Operação Desmonte A Jato, neste momento, acelerada, e cada um de nós tem de fazer algo. Infelizmente, alguns estão escondidos. Não é necessário descer a detalhes…
        Solicito que poste este comentário no meu artigo A Operação Lava Jato E O Desmonte Do Brasil e, claro, que o compartilhe via Rede Social.
        [/Ironia_Desligada]

        Saudações bolivarianas; {♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥}; “Levy, Eduardo [A]Cunha, Kátia Ah, Breu. Porha, Dilma. Eu votei foi só em você. Xô, ´sombração“,
        Morvan, Usuário GNU-Linux #433640. Seja Legal; seja Livre. Use GNU-Linux.

      2. Boa tarde.

        Fiel seguidora (4 de fevereiro de 2015 at 15:14):

        … Foram vinte e sete anos labutando, assistindo e aplaudindo a grandeza de um corpo e alma de trabalhadores e trabalhadoras que fazem da empresa Petrobras muito mais que um local de trabalho, mais muito mais… somos maiores que os mascates. Somos todos Petrobras.
        Eles passarão, a instituição PETROBRAS permanecerá brasileira. Jamais Petrobrax.

        Cara Fiel Seguidora. Respondi, furibundamente, ao que postaste. Favor ler, lá no meu blogue.

        Saudações bolivarianas; {♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥}; “Levy, Eduardo [A]Cunha, Kátia Ah, Breu. Porha, Dilma. Eu votei foi só em você. Xô, ´sombração“,
        Morvan, Usuário GNU-Linux #433640. Seja Legal; seja Livre. Use GNU-Linux.

  5. Mestre aquático,

    Esse Fernandinho é um grande bufão. Como chefe da tribo das torneiras secas poderia convocar uma dança da chuva no Anhangabaú. Afinal ele está há 25 anos a frente da prefeitura de Sampa e não fez nada. Allez vous a la dance de la pluie

  6. Prof. Hari, sedentos colegas,

    No texto do sacrosanto jornal eu li: “Se há estado de guerra, quem deve ir para o front é o soldado, não a criança. Ela terá que pagar pelo resto da vida por um descuido das autoridades?”

    Aí pergunto: Autoridades? Quais autoridades?

    1. Ora, ora….santa ingenuidade, cara patricialex. Que autoridades? Os de sempre: os bolcheviques vermelhos. São eles que comem as criancinhas.Por isso, penso que esse caso deve extrapolar as atribuições do Conselho Tutelar. Ele vai acabar desaguando (?) de facto na Vara da Infância….

  7. O belo texto abaixo de autoria do Doutor Vittorio Medioli, ex-deputado do PSDB de Minas Gerais, foi publicado no blog do Augusto Nunes ( 25/06/2013 às 17:48):

    Em razão disso recuso-me terminantemente a acreditar no post do Nassif de 04/02/2015 (http://jornalggn.com.br/noticia/ex-deputado-tucano-e-condenado-por-evasao-de-r-38-milhoe).

    Tenho a certeza absoluta de que se trata de um engano!

    VITTORIO MEDIOLI

    O terceiro capítulo estava pronto quando fui surpreendido por Dilma. Cercada por governadores e prefeitos convocados na representação de um presépio em volta de uma manjedoura, com promessa de verbas, a presidente apresentou os pontos de uma “pactuação” que estava sendo redigida, burilada nos bastidores, em sintonia com as pesquisas de opinião interpretadas pelo futurólogo e marqueteiro João Santana. No afã da versão, o conteúdo pecou num dia marcado por mais protestos. A “pactuação”, termo cunhado para distribuir responsabilidades aos outros que nunca dividiram méritos, bem no meio de uma crise apocalíptica (apocalipse = revelação), lançou apenas o sinal para sair da crise, e não a vontade e o desejo de corrigir erros.

    Falta-lhe o arrependimento, ponto de partida de uma coisa mais séria. E a seriedade de um pacto maior já era fulminada pela ausência de líderes de partidos, bem como de líderes da Câmara e do Senado. Com o Congresso do outro lado do fosso, mais que pacto, a iniciativa apressada de Dilma inspira um confronto.

    Mas que diabo de pacto sem Legislativo é esse? Por um comitê de ministros do PT contestados pela leniência com a corrupção? E governadores que, convidados pela empreiteira Delta, fizeram farras em Paris? Que legitimidade, e mais, que autoridade moral para apresentar um pacto parecendo castelo de areia para enfrentar a onda das ruas e de estudantes esclarecidos?

    Amanhã, depois da crítica, apresentarei propostas para escapar do Inferno.

    xxxxxxx

    O texto completo pode ser lido em

    http://veja.abril.com.br/blog/augusto-nunes/feira-livre/a-mutacao-como-escapar-do-inferno-iii-por-vittorio-medioli/

    1. Oia anqui, sêo Letor das Veja. Em premero saba que inscrevê aos cuntraru achando qui ningué vai divinhá é coisa de mané. Adispois acho muita farta dinducação quem vim jogá paper bundar na cara do zotro.Os paper de bunda ocê joga na privada mêmo e adispoi dá uma discarga bem cumprida sinão é capaiz dele querê vortâ. Eta desespero desse pessoar!!! Rasquei lasca, sô.
      Achu qui tem cumunista bulivarano firtrado anqui. Qui minha carinha verde sumiu i amparece uma cara muito das esquisita mêmo.

  8. Caro Prof., colegas,

    Bem mesmo faz o Alquimista: transforma em lucro pros homens de benz aquilo que deve ser transformado. E de quebra, ínclui o precioso líquido na cesta básica, pra agradar a gentalha. E na surdina. Coisa linda de ver!

    http://www.redebrasilatual.com.br/cidadania/2015/02/por-decreto-geraldo-alckmin-inclui-agua-mineral-na-cesta-basica-974.html

    O pior é que tem sempre um bobão petralha pra se opor. Ninguém merece!

  9. Boa tarde.
    Distinta escol dos de benz antibolivarianos:

    Nem só notícias boas. Nós, os de benz, já estávamos a comemorar o fato de que Graça caiu. Agora, vem o repique. Aquele infiltrado estadunidense continua infernizando a vida de toda a Nação dos Homens de Bens do Norte; também azucrinando a Dama Schukrut sofre com as medidas do Barata Obomba: Mr. Trigueiro Abandona A Austeridade E Passa Longe do Levy. É o início do fim. Se nossos ganhos, esparcos ganhos, caírem na matriz, aqui, nem com a Lava Chato.

    Saudações bolivarianas; {♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥}; “Levy, Eduardo [A]Cunha, Kátia Ah, Breu. Porha, Dilma. Eu votei foi só em você. Xô, ´sombração“,
    Morvan, Usuário GNU-Linux #433640. Seja Legal; seja Livre. Use GNU-Linux.

    1. Boa noite.

      Laninha (4 de fevereiro de 2015 at 17:27):

      Segue video do Constantino ensinando-nos a todos que o problema da água é mentira (ps: já ta no ponto: aa partir do temop 6:15)

      Cara Laninha. Este eco-insipiente levou uma tunda inesquecível. Foi se meter a discutir política com quem? Com Ciro Gomes. Foi massa. Massacrado. Segue o monólogo, digo, diálogo (não fiz como vós fizeste, com critério de tempo, mas, logo no início, Rodrigo Burrantino chamando o consumidor de tirano é imperdível):
      https://www.youtube.com/watch?v=k3pKgGEo0GA

      Saudações bolivarianas; {♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥}; “E No Paraná, Ainda Há Juízes, Ou Só Moros?“,
      Morvan, Usuário GNU-Linux #433640. Seja Legal; seja Livre. Use GNU-Linux.

      1. É um jovem bastante inteligente de ideias arejadas. Chama Rodrigo Constantino, escreve no hebdomadario dos homens bons. So textos lúcidos

        1. Ah!! que bom, esptes jovens e seos, deles, sonhos literários e poepticos, como é bom o mundo dos contos. E não há torneiras secas para traze-los de volta ao mundo real. Que lindo!!

  10. Rotiel Ad Ajev não tem dúvidas: corrupção começou no Brasil em 01 de janeiro de 2003…

    Do blog do dito cujo (04/02/2015 às 5:57):

    Rotiel Ad Ajev (4/2/2015 às 2:58 pm:

    “Esse dito cartel, ou o que tenha existido, poderia ter operado sem os políticos na outra ponta — e sem um grupo político em particular: o PT?”.
    .
    Bela pergunta do Tio Rei e a resposta é um “NÃO” sonoro e rotundo. A assombração sabe para quem aparece. Essas mesmas construtoras já existiam no governo Fernando Henrique Cardoso e atuavam observando todos os preceitos éticos que devem nortear as relações das empresas privadas com o estado brasileiro.
    .
    A razão fundamental é que o estadista Fernando Henrique Cardoso tinha e continua tendo horror à corrupção. Dessa forma ele escolheu e cercou-se de um grupo de homens patriotas e probos para compor o seu governo.
    .
    O exemplo é o melhor remédio. A Petrobrás por exemplo não frequentava as páginas policiais. Pelo contrário, era conhecida como uma empresa séria, honestíssima e eficiente sempre merecendo elogios nas páginas nobres dos jornais e revistas.
    .
    A partir de de 2003 tudo mudou. A corrupção até então considerada um pecado mortal passou a ser considerada no máximo um pecado venial. 01 de janeiro de 2003 é uma data fundamental pois representa o marco zero da corrupção. Dirigentes de construtoras, até então homens sérios e patriotas, deixaram-se seduzir pelo clima de licenciosidade e preferiram o caminho fácil do enriquecimento ilícito ao labor honesto que tanto dignifica o homem.
    .
    Precisamos agora de um estadista para recolocar o país nos trilhos, um homem que possa representar para o Brasil do século XXI o que Fernando Henrique representou para o Brasil do século XX

    1. Bom dia.

      Leitor da Veja (4 de fevereiro de 2015 at 19:54):

      … Precisamos agora de um estadista para recolocar o país nos trilhos, um homem que possa representar para o Brasil do século XXI o que Fernando Henrique representou para o Brasil do século XX…

      Caro leitor gastroblindado, desconfio seriamente que o sr. Rotiel Ad Ajev e o Stercorarius Rolabostus sejam a mesma pessoa; o modo elegante e sóbrio (lembra o Brigadeiro de Cláudio) de escrever são similaríssimos.
      Para recolocar o Brasil nos trilhos, ou mesmo fora dele, ninguém melhor do que Nosferatu Alagon, o qual disse que Boicotou Projeto De Dilma Em 2010 (“Trem Bala”), Com Cumplicidade Do Presidente Do BNDES.
      Ps.: É no mínimo estranho um país onde um agente público confessa, cínica e garbosamente, ter boicotado projetos de interesse da população, por cálculo político, mancomunado com outro agente público, este, com função de Governo, portanto, com Responsabilidade, administrativa e juridicamente falando, e se não lhes acontece nada.

      Saudações bolivarianas; {♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥}; “Levy, Eduardo [A]Cunha, Kátia Ah, Breu. Porha, Dilma. Eu votei foi só em você. Xô, ´sombração“,
      Morvan, Usuário GNU-Linux #433640. Seja Legal; seja Livre. Use GNU-Linux.

  11. Inimputável Mestre Hari! Humpf! Emphim, a Proba descobriu o Brazil. Já não era sem tempo. Ora pipocas! Já sabíamos desde o início (1500), que os vermêlhos petralhísticos, turcos, nordestinos, bolivihanos e haitihiannos são os verdadeiros e únicos culpados pela phalta de chuva, sol, vento, banana, mandihoca, virgens, vergonha e claro, águôa cá por cá. Deste modo, é mister e urgente que se elabore isento, idôneo imparcial, impoluto, apolíptico e técnico parecer jurisprudenciado, por hum gandra, digo, grande philho da pátria tucana encharcado de noptável saber sobre questões de imppeachmmeent e outras trozóbas no dos outros porque no dos outros é bom pra caramba e…Onde parei? Ah! Sim, Quem é o vice do turco?

      1. Seu Pedido sempre é huma ordem Mme. Laninha.
        Esta photenha phoi tirada na épocha em que phazia a côrte a huma distincta senhôura Álvares Penteado, que prepheriu casar-se com hum maldito Prado Júnior. Humpf!

    1. Vossencia preclaro Fregguezia, já soube ou ouviu phalar de algum caso em que um rábula do grande clube de notável $aber deu um parecer contrariando os intere$$es de seu cliente de bens? Ou trata-se de uma raridade que comphirma a regra dos bons, tão bons que são dispensados de passar por desagradáveis licitações?

      1. Preclaro e redivivo Ramsés II,

        Parecerisptas de escol não visam o vil e desprezível metal, se, claro, depositado em contas de paraísos phiscaes. Poes o grande objtivo de hum parecer isento é transphormar o Brazil, do inphernal e encapetado déphicit phiscal em hum paraíso phiscal para eles e para os seus, deles.

        O problema são esptes promotores suiços, comuno-bolivarianos, que não entendem o que é o mérito e muito menos o tradicional mérito herepditário nacional! Portanto, não é bom phalar em dispensa de ilicitapções, poes acendem luzes… vermelhas!!

        1. Bom dia claros confrades:

          Parece que o parecer pode ser engandrado, digo engendrado,segundo o que pede o aparecido. Se no mensalão o facto foi subjugado pelo dominio; no petrolão o domínio subjuga o facto. De modo que nem sempre seis é meia-duzia, nem meia duzia é sempre seis. Tudo depende da encomenda e do encomendador.

        2. Caro Cel. Lalado,
          É por couzas assim que apoio a atitude da venerável eminência divina de capa preta, de notável $aber, que para evitar a bolivarianização danação, promovida por petralhas e seos asseclas nomeados, solicitou na maes alta egrégia congregação, vistas ao processo que pretendia proibir doações de empresas a candidatos a cargos públicos há apenas 300 dias, posto que não se pode proibir, isso é couza do communismo ditatorial estalinista.
          E tenho dicto.

            1. Bom dia.

              Coronel Lalado (5 de fevereiro de 2015 at 10:50):

              Realmente, são cousas que não entendo, como pediu vistas se sobre ele, o precesso, se assentou? Paracerisptas têm maes hum olho?

              Caro Cel. Lalado, é o famoso terceiro olho (não se trata do Ajna) e eu espero que, no caso dele, ele enxergue melhor do que com os convencionais. Bom, se ele se sentou, sabe-se d´antanho que ele é míope, também do terceiro olho.

              Saudações bolivarianas; {♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥}; “Levy, Eduardo [A]Cunha, Kátia Ah, Breu. Porha, Dilma. Eu votei foi só em você. Xô, ´sombração“,
              Morvan, Usuário GNU-Linux #433640. Seja Legal; seja Livre. Use GNU-Linux.

            2. Pausa para um discreto aceno, e risos meigos, em função de vosso inteligente comentário.

            3. Boa noite.

              Ramsés II (5 de fevereiro de 2015 at 16:25):

              E se lhe cair um cisco?????

              Caro Ramsés II. Neste caso, seria um Sis--Ku

              Saudações bolivarianas; {♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥}; “Levy, Eduardo [A]Cunha, Kátia Ah, Breu. Porha, Dilma. Eu votei foi só em você. Xô, ´sombração“,
              Morvan, Usuário GNU-Linux #433640. Seja Legal; seja Livre. Use GNU-Linux.

  12. Boa tarde.

    Carissimi del Caphopho hariovaldiano. Senhor@es e senhor@s.
    Um pouco (nem tanto assim, pois a Petrobrás está ‘virando água’, diante da imobilidade dos inocentes) fora do tópico, para variar:
    Jânio de Freitas, comunista, bolivariano, pethista de primeira hora, nos lembra de Prêmio auferido à empresa: Distinguished Achievement Award for Companies, Organizations and Institutions, “o mais importante para operadoras off-shore”, pelas inovações introduzidas pela companhia no tocante à prospecção na camada do Pré-Sal. É, segundo ele, uma condecoração Post-Mortem, pois a companhia acaba de deixar de existir, de ser desmoronada (grifo deste apregoador).

    Saudações bolivarianas; {♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥}; “Levy, Eduardo [A]Cunha, Kátia Ah, Breu. Porha, Dilma. Eu votei foi só em você. Xô, ´sombração“,
    Morvan, Usuário GNU-Linux #433640. Seja Legal; seja Livre. Use GNU-Linux.

      1. Boa noite.

        Fiel seguidora (5 de fevereiro de 2015 at 18:37):

        Caro Sr Morvan,
        O olhar insuspeito de quem produz: [MmOwqrsIhcg]

        Cara Fiel seguidora. Maravilhoso ver trabalhadores se expressando [muito bem] sobre a real situação da nossa Menina dos Olhos. Gostaria de ver este vídeo, quem sabe uma entrevista deste cidadão para o Vi O Mundo, dada a visibilidade daquele.

        Saudações bolivarianas; {♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥}; “Levy, Eduardo [A]Cunha, Kátia Ah, Breu. Porha, Dilma. Eu votei foi só em você. Xô, ´sombração“,
        Morvan, Usuário GNU-Linux #433640. Seja Legal; seja Livre. Use GNU-Linux.

  13. Boa noite.

    Carissimi del Cafofo Hariovaldiano:
    Estava eu a ver os blogues sujos, sempre no intuito de encontrar atividades não condizentes com os ganhos de capital dos de benz, quando vi, num local já conhecido como aparelho petraglisticco, entrevista com o sr. João Antônio de Moraes, explicando a posição dos trabalhadores da FUP sobre as investigações(?) e sobre os motivos inconfessos por trás destas. Imperdível, digo, impensável. A maior crise de água, causada pelos bolivarianos, e ainda tem petraglia querendo tirar o foco do caosaéreo, digo, caosaquático (ou seria caoscoprolático?). Clique Aqui Para Ler.
    E ele, este trabalhador rebelde, ainda tem o desplante de pedir apoio. Ah, ah, ah. Bom, como sei que ninguém vai apoiá-lo, posso divulgar seu e-mail:
    Por favor​,​ enviem adesão, nome, entidade, cidade, para João ​M​oraes​, da direção da FUP, Federação Única dos Petroleiros: jamorae1 Arroba icloud Ponto com

    Saudações bolivarianas; {♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥}; “Levy, Eduardo [A]Cunha, Kátia Ah, Breu. Porha, Dilma. Eu votei foi só em você. Xô, ´sombração“,
    Morvan, Usuário GNU-Linux #433640. Seja Legal; seja Livre. Use GNU-Linux.

          1. Boa noite.

            Fiel seguidora (5 de fevereiro de 2015 at 20:33):

            Vixe! O caminho saiu errado. Aí vai: [Linque]

            Cara Fiel seguidora. Sugeri ao Vi O Mundo e está publicado (não necessariamente porque eu o sugeri, o importante é que o está).

            Saudações bolivarianas; {♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥}; “Levy, Eduardo [A]Cunha, Kátia Ah, Breu. Porha, Dilma. Eu votei foi só em você. Xô, ´sombração“,
            Morvan, Usuário GNU-Linux #433640. Seja Legal; seja Livre. Use GNU-Linux.

  14. Banhado Mestre,

    Esses comunistas. Se antes apreciavam comer criancinhas, agora preferem destituí-las de banhos. Talvez sem os banhos fiquem mais susceptíveis ao vírus bolchevique. Esse plano condor vermelho está cada vez mais macabro.

  15. Madrugada mal dormida. Eu sonhei contigo, cai da cama, ai meu bem não briga, não me castiga, eu não sonho mais.
    Não é que o sonho retratou um dia qualquer do século passado, um sonho feito de verdade verdadeira, quando eu comia um hambúrguer numa lanchonete na rua Cardoso de Almeida e, ao meu lado, se sentou um homem dourado, de prenome Alberto, que não deixou eu nem acabar de comer meu sanduiche, me pegou pelo braço e me fez subir a escada de um sobrado, ao lado da lanchonete, me deu um sorriso e me fez assinar uma ficha de filiação ao MDB, o que fiz arrotando um misto de orgulho e de vinagrete. Agora, acordado, às tantas da matina, eu posso afirmar que estava no lugar certo, na hora certa, com o homem certo. Aconteceu a redemocratização do país. Num segundo momento, as coisas só não deram certo entre mim e ele, porque preferi escutar minha professorinha, a dosóio verde, ao invés de segui-lo por caminhos doirados.
    Fizemos escolhas diferentes: ele optou por Dom Bosco, eu por Casaldáliga; ele ficou com Serra e FHC, nesta ordem, eu com Brizola e, depois, com o sapo barbudo; Hei, hei pessoal: é de madrugada tou ouvindo um miado de felino. E isto me fez lembrar que, junto com o Alberto Dourado, estava também Marcelo Gato. Mas deste nunca mais ouvi falar. De maneira que hoje estou ainda muito bonito, porque durmo bem. Só raramente, muito raramente, tenho pesadelos. Ele ficou feio e cheio de bichas (que é como minha vó falava que eu ia ficar se andasse descalço), porque, no fundo, no fundo, o que ele queria mesmo era ter comido o meu hambúrguer!
    A noite passaria melhor sem os meus pensamentos. Desculpem, amigos. Mas acordei assustado, cai da cama, meu bem, não briga, não me castiga, eu não sonho mais!

    1. P.S Ele ficou feio e cheio de bichas (que é como minha vó falava que eu ia ficar se andasse descalço ou desejasse comer o que não podia comer)….

  16. Estás errado, professor.
    O grande vilão vilão da falta d’água é o Filho do Lula!
    Documentos e Projetos Secretos aos quais ninguém tem acesso provam que há um CANO ligando o fundo da Represa do Cantareira às infinitas linhas de irrigação da Fazenda do Lulinha, que assim vem ROUBANDO há anos o precioso líquido do povo eleito para enriquecimento pessoal, como todos sabemos.
    Urge enviarmos as gloriosas forças policiais do Estado ás terras do famigerado, para desligar as bombas que sugam a nossa umidade e cortar de uma vez por todas esse maldito CANO!

    1. Bom dia.

      Guilherme Levy (@levytantam) (6 de fevereiro de 2015 at 10:29):

      Estás errado, professor.
      O grande vilão vilão da falta d’água é o Filho do Lula!
      … cortar de uma vez por todas esse maldito CANO!

      Caro Guilherme Levy, o ortodoxo ou primo dele? Mas quem deu o cano não foi o Aidimin? Até mesmo porque ele conjuga o verbo assumindo suas preferências religiosas (Opus Dei)?

      Saudações bolivarianas; {♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥}; “Levy, Eduardo [A]Cunha, Kátia Ah, Breu. Porha, Dilma. Eu votei foi só em você. Xô, ´sombração“,
      Morvan, Usuário GNU-Linux #433640. Seja Legal; seja Livre. Use GNU-Linux.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.