Lema para campanha de Bolsonaro 2022 é lançado em Porto Alegre

Prossegue o baile que o grande governo remidor nacional (ggrn) está dando na oposição comunista com a preparação para a inexoravelmente vitoriosa campanha da reeleição do mito monstro sagrado bolsonariano, uma vez que o verdadeiro cidadão de bem não deve perguntar qual  a vacina que o governo deve dar a ele mas sim como deve morrer para salvar a economia de mercado brasileira. Assim sendo, o monodístico  da peleja eleitoral será :” Morrer para salvar a economia – Bolsonaro 2022“.

Porto Alegre saiu na frente, mostrando a nação o caminho suave a ser seguido por todos, tendo à testa seu magnânimo alcaide-mor, que sem pestanejar já abraçou de unhas e dentes o novo slogan, exigindo que todos os munícipes se engajem nessa gloriosa campanha em prol da economia.

Sigam-no os que forem vivos!

Facebook Comments
Compartilhar

7 comentários sobre “Lema para campanha de Bolsonaro 2022 é lançado em Porto Alegre

  1. Enquanto isso o prefeito que comanda Jacuípe proibiu a venda de bebidas alcoólicas aqui.
    Venerando mestre: aonde nós chegamos… A minha patroa comuna me obriga a usar máscara, a mocinha de casa (Neusa) só permite que eu me achegue a dois metros de distância, a barraca do cabeça está fechada e os vizinhos bolsonaristass estão trancados em casa. Hoje eu posso afirmar que o comunolulismopetista está instalado no outrora festivo Jacuípe.
    Eu, somente eu, estou disposto a dar a vida pelo meu municipio, o resto está tudo contaminado pelo vírus sinocoreano.
    Lamentável

  2. Já começou a choradeira e o mimimi.

    O que ele disse foi: “os grilhões que nos forjava”.

    Não disse nada sobre nós, homens de bens, morrermos pelo Brazil.

    Até mesmo neste vídeo vazado de dentro das alcovas de uma caserna pode-se ouvir claramente que não se diz nada sobre morrer pelo Brazil.

    Muito em breve seremos uma pujante Koreia do Norte do Sul e aí eu vou querer ver se haverá choradeiras e mimimis.

Deixe uma resposta para Norio Takawara Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *